Sua empresa é mesmo pró-ativa?

Professores da Fundação Dom Cabral dividem os passos de uma empresa rumo à pró-atividade durante palestra na HSM ExpoManagement 2011

Durante cinco anos, os professores e pesquisadores Leonardo Araújo e Rogério Gava, da Fundação Dom Cabral, debruçaram sobre o mercado corporativo brasileiro para elaborar uma pesquisa com para traçar um panorama sobre o modo como a pró-atividade de mercado tem sido exercida pelas empresas.

Foram entrevistados 47 CEOs e 350 executivos de 257 diferentes empresas para um trabalho que rendeu um novo modelo para construção e implementação de estratégias pró-ativas.

Antecipar-se às mudanças, criando alternativas de forma deliberada, faz com que a empresa siga além da reação e da adaptação às demandas dos clientes e da concorrência.

Essas mudanças acontecem de duas maneiras:

Antecipação por resposta – o chamado “momento-zero” representa o instante em que a mudança ocorre no mercado. Ela enxerga o que outros (ainda) não estão enxergando e se antecipa sobre as pistas que sempre precedem a ruptura.

“Um exemplo foi o que fez a Toyota ao conceber o carro híbrido Prius no final dos anos 90. Em mais de uma década de antecedência, a montadora captou os sinais que apontavam para o crescente questionamento da sociedade sobre a emissão de gases dos veículos, vislumbrando um grande mercado não atendido de consumidores sensíveis a produtos com apelo ecológico”, aponta Gava.

Antecipação por criação – a empresa é a própria geradora da mudança e estabelece os “momentos-zero” do mercado, buscando modelar o ambiente que a cerca e criando realidades de mercado totalmente novas e inimagináveis.

“Como fez a Danone com o lançamento do iogurte Activia, em 2004. A oferta acabou modificando as necessidades dos consumidores de forma notável. O que levou a Danone a materializar a idéia do produto não foram sinais de mercado, mas sim, uma forte orientação da empresa em mudar a necessidade de consumo de iogurte”, aponta o professor Araújo.

Para o professor, a construção de uma nova proposta de valor (benefícios terapêuticos ligados ao trânsito intestinal) foi fundamental para o sucesso do produto. “Em pouco tempo, o Activia tornou-se um campeão de vendas no segmento de iogurtes funcionais, uma nova categoria de produto que a Danone emplacou no mercado brasileiro”.

Para a construção da EPM – Estratégia Pró-ativa de Mercado, os professores indicam a construção de uma estratégia que detalhe dimensões, níveis e ações requeridas:

•    Liderança pró-ativa – surgimento do líder que infunde a criatividade na organização;
•    Capacidade de assumir riscos – encorajando o experimento e ampliando a tolerância ao risco;
•    Tolerância ao erro – iniciativas são sempre passíveis de erro, mas para mantê-las, tolerância a equívocos é fundamental;
•    Visão de futuro – é a visão abrangente dos gestores que levam a empresa a um próximo passo;
•    Fomento ao canibalismo – canibaliza a própria oferta, permitindo a inserção de novos produtos e tornando antigos obsoletos;
•    Cultura flexível – tolerante ao erro, promotora do empreendedorismo e engajadora de novas maneiras de pensar;
•    Capacidade de inovação – geração de novas ideias e conceitos;
•    Capacidade de educar o mercado – a empresa aprende com o mercado, mas também ensina;
•    Equipes competitivas – a promoção da competição interna em prol de objetivos comuns à organização.

“Empresas não se tornam pró-ativas por decreto ou apenas vontade. Elas precisam desenvolver capacidades que possibilitem a transformação do mercado em ações concretas, desenvolvendo uma nova mentalidade na empresa”, finaliza o professor Rogério Gava.

Mostra de Conteúdo e Soluções

Autores do livro Empresas Pró-ativas – Como antecipar mudanças no mercado, Araújo e Gava falam sobre o tema na HSM ExpoManagement 2011. A apresentação ocorrerá no dia 9 de novembro, às 13h10, do auditório 08 (Fundação Dom Cabral), na Mostra de Conteúdo e Soluções.

Fonte: Portal HSM

Published in: on 20 de outubro de 2011 at 16:54  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://sindhosba.wordpress.com/2011/10/20/sua-empresa-e-mesmo-pro-ativa/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: